Blog Janot

Atualizado: 25 de set. de 2021

Em um cenário cada vez mais difícil para produção de produtos de qualidade em relação ao preço, temos uma peça essencial para qualquer dispositivo eletrônico, a fonte de alimentação, uma peça importante que faz a conversão de corrente alternada para corrente continua (AC para DC) de suma importância para fornecer qualidade em uma rede elétrica Brasileira de péssima qualidade, com excessos de picos e falhas. Dispositivos sensíveis como rádios e roteadores a falha de alimentação representa quedas e instabilidades no funcionamento e em placas de computadores Desktop pode ocasionar o fornecimento de quantidade de energia errada, causando em alguns casos, queima do dispositivo.



Para entender melhor sobre como diferenciar qualidade de fontes, veja em nosso blog sobre certificações Plus.



1 visualização0 comentário

Atualizado: 25 de set. de 2021

Um dos itens que mais confundem o consumidor na hora da compra é a fonte de alimentação, pois nesse elemento em especial os fabricantes utilizam todo o tipo de artifício para inflar as capacidades de seus produtos. Não é muito difícil encontrar modelos que prometem 500 watts de potência custando apenas R$ 40, violando todas as leis da física, eletrônica e de mercado e sendo responsável por muitas explosões (literalmente) de computadores que, na verdade, deveriam proteger.


Para separar as fontes genéricas das que realmente fazem um bom serviço, os principais fabricantes submetem seus produtos aos testes do programa Energy Star para conseguir o Selo 80 Plus e assim garantir que o consumidor contará com um modelo com vários certificados de segurança contra variações na rede elétrica, que a fonte realmente entregará a potência anunciada e terá uma boa durabilidade.

Atualmente existem 4 diferentes tipos de selo 80 Plus, como podemos conferir abaixo para diferentes cargas de funcionamento. A eficiência é a conversão de quanto a fonte precisa puxar da energia elétrica para entregar a potência exigida pela máquina. Por exemplo, para entregar 100 watts de energia, uma fonte precisa puxar 125 watts da tomada com uma eficiência de 80%.



Fonte: https://canaltech.com.br/hardware/O-que-e-o-selo-80-Plus/

2 visualizações0 comentário

Atualizado: 25 de set. de 2021

Você já deve ter visto, projetos novos sendo implantados, lideranças tentando fazer e acontecer, mas você percebe que na verdade tudo está parado e agarrado, que você até poderia tocar esse projeto, mas você não pode abrir mão do que está fazendo atualmente pois o cenário poderia ficar pior, existem algumas ferramentas que simplificam o processo de gestão e fazem com que as pessoas mantenham o foco no essencial e naquilo que deve ser feito como prioridade, resta saber, diante tantas, qual ferramenta usar?


Troca uma ideia com a gente e veja como podemos ajudar!


1 visualização0 comentário
1/2